ROTA DO PETISCO DO ALGARVE 2018
[Regulamento do Participante]

1. Introdução
A Rota do Petisco é uma organização da Associação Teia D’Impulsos (TDI), que conta com o apoio de várias entidades públicas e privadas. Esta iniciativa surgiu em Portimão em 2011 com o objectivo de dinamizar a restauração e o comércio local, fomentar a animação social e cultural e enriquecer a oferta turística das localidades aderentes. Em 2018, no seu 8º ano de existência a Rota do Petisco irá decorrer em uma edição única por todo o Algarve em simultâneo – Rota do Petisco do Algarve (RPA) – que decorrerá de 04 de Outubro a 04 de Novembro de 2018 em espaços de restauração de vários concelhos do Algarve.

2. Condições de Participação dos Estabelecimentos Comerciais
2.1. Em função dos objectivos da RPA, são convidados a participar nesta iniciativa os estabelecimentos comerciais com as seguintes tipologias: estabelecimentos de restauração e bebidas (restaurantes, snack-bares e outros similares) e estabelecimentos de bebidas (pastelarias e outros similares), adiante designados apenas por estabelecimentos. A selecção dos estabelecimentos participantes é da exclusiva responsabilidade da organização da RPA, tendo como critério a selecção de estabelecimentos com oferta de cozinha tradicional ou de pastelaria regional de reconhecida qualidade.

3. Funcionamento da Rota do Petisco
3.1. Durante o período em que decorrer a RPA cada estabelecimento apresentará uma ementa especial, a Ementa da Rota. Distinguem-se duas modalidades de participação: “Petisco” e “Doce Regional”.
3.2. O horário de funcionamento da RPA é da responsabilidade do estabelecimento aderente.
3.3. Na modalidade “Petisco”, a Ementa da Rota é composta por um prato (petisco) e por uma bebida e tem sempre o preço unitário de 3€. A escolha da bebida pelo petiscador é opcional entre um conjunto seleccionado pelo estabelecimento, que terá de incluir um vinho, uma cerveja, uma água engarrafada e um sumo ou refrigerante. De acordo com o patrocínio oficial da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas SA (SCC) à RPA, recomenda-se que a cerveja que integra a Ementa da Rota seja a Sagres Bohemia e a água engarrafada seja a Água Luso. Em relação ao vinho sugere-se que o vinho a constar da Ementa da Rota seja um Vinho do Algarve.
3.4. Na modalidade “Doce Regional”, a Ementa da Rota é composta por uma sobremesa (bolo, fatia de bolo ou outra sobremesa) e por uma bebida e tem sempre o preço unitário de 2€. A escolha da bebida pelo petiscador é opcional entre um conjunto seleccionado pelo estabelecimento, que terá de incluir uma água engarrafada, um sumo ou refrigerante e uma bebida de cafetaria. De acordo com o patrocínio oficial da SCC à RPA, recomenda-se que a água engarrafada que integra a Ementa da Rota seja a Água Luso.
3.5. Nesta 8º Edição, serão seleccionados pelos participantes da RPA as 7 Estrelas da Rota do Petisco 2018. Os petiscadores irão votar em duas categorias: Melhor Ementa da Rota, onde irão avaliar a qualidade da ementa, e, Melhor Espírito da Rota, onde irão avaliar o ambiente, o atendimento, a animação e a decoração do estabelecimento para a Rota. No final serão divulgados os estabelecimentos premiados e reconhecidos como as Estrelas da Rota.
3.6. A Organização da RPA não se responsabiliza por qualquer conflito gerado entre os consumidores participantes e os estabelecimentos que não seja resultado directo da organização da RPA.

4. Seleção das Ementas da Rota do Petisco e Rotas Paralelas
4.1. A Ementa da Rota terá de corresponder a um Petisco ou Doce da gastronomia tradicional regional, ou então, terá que ser uma oferta inovadora que tenha como base os produtos locais.
4.2. As Ementas da Rota que sejam de conteúdo vegetariano serão identificadas no passaporte com um ícone específico – Carimbo Vegetariano.
4.3. Os estabelecimentos aderentes podem ainda optar por integrar a Rota dos Pequeninos. Para além da Ementa da Rota, os interessados apresentam diariamente uma ementa alternativa – Ementa da Rota dos Pequeninos (petisco ou doce com bebida não alcoólica), que seja atractiva para os mais jovens, que poderá ser vendida apenas a menores de 16 anos ao mesmo preço da Ementa da Rota.
4.4. Para além do segmento tradicional da Rota do Petisco, os estabelecimentos ainda poderão participar em uma modalidade alternativa: Rota dos Chefs. Tal como no segmento tradicional, na Rota dos Chefs existe a Modalidade Petisco e a Modalidade Doce. A Ementa da Rota dos Chefs terá de ser um Petisco ou Doce de Autor, ou seja, uma criação original para a RPA, que tenha como base de confecção produtos regionais do Algarve. No Passaporte, para além do estabelecimento, será identificado o Chef criador da ementa.

5. Realização da Rota do Petisco pelos Petiscadores
5.1. A participação na RPA está aberta a todos os que se desloquem aos estabelecimentos aderentes e apresentem o respectivo Passaporte da Rota, que é obrigatório, pessoal e não transmissível. Crianças e adolescentes até aos 16 anos não necessitam de possuir passaporte desde que acompanhados por um adulto detentor de passaporte válido.
5.2. O consumo da Ementa da Rota nos estabelecimentos aderentes, ao preço promocional da RPA, apenas pode ser efectuado mediante a apresentação do respectivo Passaporte.
5.3. A Organização da Rota do Petisco é responsável pela elaboração e distribuição do Passaporte da RPA. Este estará à venda nos vários estabelecimentos aderentes e nos Postos de Informação da RPA com o custo de 1€, cujo valor reverte para a Rota Solidária 2018. O valor do pagamento será colectado nos “Mealheiros da Rota”. A quantia amealhada será doada aos projectos de solidariedade social apoiados pela Rota Solidária 2018, que foram seleccionados através dum processo de candidatura com avaliação por um júri externo.
5.4. O Passaporte inclui uma área destinada ao carimbo que identifica os locais onde os participantes “petiscaram”. Ao adquirir a Ementa da Rota, o Petiscador carimba o seu Passaporte no local respectivo. Cada participante da RP poderá preencher um ou mais Passaportes.
5.5. O Petiscador poderá consumir a mesma Ementa da Rota por mais do que uma vez utilizando o seu passaporte. No entanto, para efeitos de validação do passaporte, e aplicação do ponto 5.7 do presente regulamento, apenas será contabilizado um carimbo por cada estabelecimento, independentemente do número de vezes que tenha consumido a respectiva Ementa da Rota.
5.6. Ao coleccionar pelo menos 12 carimbos no Passaporte da RPA, o participante habilita-se aos prémios da Rota do Petisco 2018 que serão posteriormente sorteados entre os participantes que tenham validado os respectivos passaportes. A validação dos Passaportes poderá ser efectuada nos Postos de Informação da RPA até 10 dias úteis após o seu final. Os premiados não poderão ser elementos da organização. Os prémios terão de ser reclamados até ao dia 31 de Dezembro de 2018 em local a ser divulgado pela Organização.

6. Disposições Finais
6.1. A Organização da RPA reserva-se no direito de, em casos de força maior, introduzir alterações a este regulamento, que serão devidamente publicitadas na página de internet www.rotadopetisco.com.
6.2. Mais informações acerca da RPA serão disponibilizadas nas páginas www.teiadimpulsos.pt e www.rotadopetisco.com. Todas as dúvidas deverão ser colocadas à organização através do endereço electrónico rotadopetisco@teiadimpulsos.pt.
6.3. Este Regulamento rege-se pelos ditames de recíproca confiança entre a organização, os estabelecimentos intervenientes e os consumidores participantes na RP, devendo assim ser interpretado e cumprido.
Teia D’Impulsos – Associação Social, Cultural e Desportiva, 2018